Cheia de Bossa

Gostei tanto da entrevista com a Maitê Proença na coluna da Sonia Racy de hoje que dá vontade de reproduzir inteira! Olha uns trechos:

                                   Foto: Márcio Nunes

“Tudo que presta vem da alma. Caso contrário, é tese de doutorado ou matéria jornalística. De forma mais ou menos velada a gente escreve sobre si mesma.”
“As escolhas que fiz moldaram esta que sou hoje. Tá tudo certo.”
“Não tenho medo porque sou do tipo que cresce na adversidade. Me dê um problema que eu crio asas. “
“Invisto em coisas que me dão prazer, como viajar e reformar a casa para que fique linda, porque acredito que dessas alegrias vem a saúde, sem a qual não há beleza.”
Veja a entrevista completa aqui.

Bisous… 

 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: