Amor em PRETO E BRANCO…

O amor é PRETO é BRANCO.
É cor, é raça é coração…
E também RACISMO, coisa que o tempo não conseguiu ainda apagar.
Será quanto tempo precisaremos??
Resta dar aos homens… TEMPO.

Seus pais não aceitam e nem os meus…
O nosso amor em PRETO e BRANCO.

Oh! Meu Sol queime a minha pele…
Só assim ficaremos iguais na cor.

Todo amor é cego, não ver cor,
nem preconceito e nem racismo.

Amor em PRETO e BRANCO…
Não pode haver racismo.
O amor é mais forte.
É todo coração, é só coração.
Não importa a cor da pele…
Crença ou religião.

Somos uma mistura de cores e raça.
Porque se fosse assim só o preto morreria.
Quer ou não queira, somos todos iguais.
Perante a lei de Deus… Na lei dos homens???

O nosso viverá eternamente em PRETO e BRANCO.
Somos bicolores sempre em PRETO e BRANCO.

José Aprígio da Silva.
Feito: provavelmente nos anos 80.

Poema dedicado à minha nova 
miguinha virtual ALLYNY SANTIAGO.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: